sexta-feira, 25 de abril de 2008

O LANÇAMENTO DO LIVRO

OAT!!!

- Em primeiro lugar, quero dizer-vos que estão à vontade para por aqui continuar até ao efectivo encerramento do blog, que não sei quando será. Por enquanto não consigo emocionalmente acabar com este espaço que tanto me deu durante estes 6 meses e tão importante foi para chegar onde estou hoje. Também eu ficarei por cá a dar informações sobre o nosso almoço, livro, etc. A propósito, mais um grande obrigado pelos comentários deixados que, como sempre, muito me comovem.

- Em segundo lugar, dizer-vos que está confirmado o lançamento do livro no dia 19 de Maio, às 18.30h, na York House (R. das Janelas Verdes). Um enorme obrigado ao Zé Tomáz MB que cedeu o lindíssimo espaço "à borla" e, ainda por cima, irá desencatar patrocinios para o efeito. Um santo...Estão desde já todos convidados, podem trazer quem quiserem e passem a palavra. Não se esqueçam que os "meus" direitos de autor são integralmente para o IPO, bem como será parte da receita do editor, pelo que quantos mais livros se venderem mais contribuímos para o combate ao cancro. Obrigado desde já.

E pronto, durmam bem, agarrem os sonhos e

BEIJOS E ABRAÇOS,

Salvador

61 comentários:

Anónimo disse...

CAVALEIRO MONGE,

Um fim épico como naqueles filmes em que um homem com toda a sua determinação, com toda a sua força, luta contra tudo e todos e ferido e cansado esboça um sorriso e grita VITÒRIA com toda a Catedral de pé a aplaudir!! Ganhaste a vida por que tanto lutaste! Obrigado Salvador pela lição de vida que me deste, pela inspiração e exemplo que foste. A partir daqui, sou uma pessoa melhor e todos aqueles que puder ajudar vou lhes contar uma história...a história do Cavaleiro Monge e da sua Catedral...

Obrigado Catedral pela força, pela união, pela causa…pelo bem que fizeram ao Salvador, pelo bem que fizeram a todos nós e a tantos outros que procuram uma esperança, uma luz que lhes ilumine um caminho incerto e que os mantenha vivos sem nunca deixarem de acreditar...Acreditar é a palavra do senhor, a palavra da Catedral, a palavra do Mano velho, do Salvador…

Saio daqui emocionado porque é o fim que todos desejámos e que sempre acreditámos. Vou ter saudades desta família, deste " Mar de boa Gente" e graças a Deus não vou ter saudades tuas Salvador, porque estarás sempre presente daqui para a frente...

Acabo como comecei

IMPOSSIBLE is just a big word thrown around by small men who find
it easier to live in the world they've been given then to explore the power they have to change it. Impossible is not a fact. It’s an opinion. Impossible is not a declaration, it’s a dare. Impossible is potential. Impossible is temporary. Impossible is NOTHING.

Adeus a todos. Até Sempre. Foi um enorme inesperado prazer...

Até já Salvador...não sei onde nem quando... mas sei certamente porquê...

Tomás Macedo Santos

OBSERVADOR disse...

A minha agenda mental registou já essa data que fica para a posterioridade.
Apesar da hora não me ser muito favorável (hora da saída do trabalho e deslocação), tudo farei para estar presente.

Como já deixei escrito no "post" anterior, jamais abandonarei este blogue a não ser, claro, que ele acabe e por indicação expressa do nosso Salvador.

A Catedral é o que já demonstrou ser. Cedo se constituiu como uma grande família e continua a sê-lo.

Estou ansioso por conhecer a maioria destes "familiares".
Porque uma minoria (em quantidade que não em qualidade) já tive o privilégio de conhecer.
Gente boa, gente que ama o próximo como ama a si próprio.

Até lá, almoço e livro, vamos acertando o passo, aqui, neste espaço onde se escreveu tanta coisa bonita, e tanta força se deu ao NOSSO SALVADOR.

Tenho-me esquecido de saudar os familiares próximos do nosso querido Salvador.
Esposa e filhos.
Estão, eles, igualmente de parabéns e naturalmente aliviados.
O sorriso terá voltado às suas faces e com toda a razão.

Meus caros, como de costume, abraço-vos.

Anónimo disse...

Miúdo Querido - elevado a 1000!

Tenho andado arrepiada desde os posts a que respondeste “Meu Deus…”. Também eu, fiquei desconcertada. A tempestade fez o resto, a minha cabeça descarrilou e ainda estou em curto-circuito… Fiquei sem palavras e assim tenho andado… as emoções estão, sem qualquer sombra de dúvida, em red-line… o que naturalmente me turva o pensamento… e me impossibilita de ter a clareza descritiva necessária para te escrever tudo aquilo que gostaria… isto não vai nem com histórias… continuo a ler os comentários e, um após outro, reflectem algures, o que também eu poderia dizer…

Não é por acaso que andamos sem palavras… porque mesmo aquilo que se consegue dizer, está muito aquém… é que o divino é indizível!

Já tentei escrever quinhentas vezes… não tenho como... não me consigo exprimir…caiem-me 100 emoções por segundo e é inexprimível… estranhamente só choro… e rio…alegria, esvair da tensão, gratidão, é o que me vai no coração… mais uma porção de histórias que andam de mão dada…

Vi tanto este desfecho… Jesus Christ. Mas é escusado… acho que só há uma maneira de perceberes o que se passa por aqui… e, desta vez nem é por via aérea… acho que nem o ar sustenta o divino… a coisa exige um olhar para o fundo da alma…! E isso sei que o fazes na perfeição, tão bem como eu…

Este teu “certificado irrevogável de permanência no mundo”! - é absolutamente extraordinário… não tenho a menor dúvida que vai ser a inspiração de tantas outras pessoas que se vejam a braços com a “morte”… com a dor, ou com a mais profunda escuridão… Tu - em primeiro plano, o exemplo máximo de uma fé e determinação arrancada sabe Deus de onde - a sabedoria e a coragem de atravessar o tal deserto - a Consciência e a Luz a que te abriste - e todo o amor desta Catedral - e aqui, estendo esta palavra também a todos os que, mesmo não passando por aqui, estiveram firmemente ao teu lado - a deixar transparecer o teu reflexo, porque meu querido, esta Catedral nunca poderia ter existido noutro contexto… o exterior é um espelho do nosso interior…- e, lendo-a, dia após dia, olho para lá do que vem escrito…

Continuo sem palavras… a única que me ocorre é - Gratidão. Imensa.

Obrigada, Salvador.
Lena

E, quando não nos ocorrem palavras - usamos as dos outros… apeteceu-me pôr aqui este texto...


Atravessar as “águas negras” do Escorpião
não é um experiência “para os outros”,

O Escorpião “assina” a nossa Humana Condição.
Finaliza a absurda Viagem-do-Homem sem Deus.

Escorpião é o signo da morte,
mas igualmente o signo do nascimento.
Não há como deixar o “velho Ego”
e vibrar num novo Ser, luminoso e renascido,
sem viver a experiência que o Escorpião propõe.

O Escorpião á a “Chave-do-Portal”
da nossa possível Salvação.

Experiência não-voluntária, íntima, subjectiva.
Por vezes cataclísmica, mas renovadora.
Redentora, libertadora do peso do Passado.
Esse lastro inconsciente de antigos dramas
que tecem a teia-da-memória, onde se prende
tudo o que em nós ainda não é Vida!...

O Escorpião sempre nos espera.
A todos, a cada um. Não há fuga possível.
No exacto momento:
rigoroso, personalizado, implacável.
Na tal “esquina oblíqua” do Tempo,
quando a “Mão-de-Deus
mais profundamente nos toca.
Na perplexidade de alguma inesperada
e indesejada circunstância.
Essa, que nos obriga a mergulhar
nas águas imtemporais do nosso Último Sentir.
O mais negro, o mais desprotegido, o mais frágil.
Até bater nesse “fundo limite”
que é a consciência do vazio absoluto
das nossas Ilusões!
Para enfim emergirmos
da “bolha-de-fantasia” existencial
que é o nosso Eu-separado.
E regressarmos leves, pacíficos, indefesos,
inofensivos, luminosos, fraternos,
livres…, à Superfície.

Ensina a Astrologia, que até ao Sagitário,
a nossa personalidade encontra-se sozinha
neste mundo.
Navegando numa “escuridão existencial”,
sem bússula que a possa orientar,
à mercê de todas as tormentas!...

De desejo em desejo, de ilusão em ilusão,
Perdida da Vida-Maior da sua alma!
È esta, numa primeira etapa,
a nossa Humana condição.

A condição de Seres que “aterraram” neste Planeta
sem saber a razão do seu existir.
Seres inconscientes, amnésicos,
reduzidos a uma precária e difusa memória,
em “ruptura” com a dimensão Sagrada,
a sua Divina dimensão…

Até aceitarem a tenebrosa viagem ao “fundo da noite”,
que é “atravessar” as águas do Escorpião.

Escorpião é o oitavo signo. O oito.
O numero do impasse,
o quatro sobre o quatro,
o “nó” da Eternidade…

Só em Escorpião se processa
a “Lua-cheia” da Morte e da Vida.

Da ignorância da personalidade…
frente à Omnisciente Sabedoria da alma.

Há que morrer, para nascer de novo.
É a Lei. Lei escrita nos Ciclos do Universo.
Revelada nessa “estrutura simbólica”
de Totalidade e ascencão, que é o Zodíaco.

Zoe, Vida. Díaco, disco. O grande disco da Vida…

Essa Lei, ensina que não há morte
sem um novo nascimento.
Afirma a inevitabilidade
dessa tão íntima “passagem oculta”
que a todos um dia espera,
no signo do Escorpião.
Do Escorpião para o Sagitário…

A magnitude do Escorpião, este signo abissal,
é obrigar-nos, pela obcessão do nosso desejo
e pela violência da nossa própria afirmação,
a descer ao fundo.

A levar ao limite, a nossa “guerra interna”,
até situar os seus dois pólos frente-a-frente.

É a fase da Oposição,
a “Lua-cheia-da-morte”, frente à Vida”.

Ensinam antigos Mestres,
que neste Universo dual,
todo o conflito que chega à Oposição,
atinge o seu limite, vira no seu contrário.
Só então o Sol, a Luz-da-Consciência,
Pode totalmente iluminá-lo.
Dá-se uma revelação, um acréscimo de Vida,
uma alquimia. A ilusão da morte desvanece…

Em Astrologia, a Consciência
de uma dimensão Transcendente,
é simbolizada pelo “alvo” da seta do Sagitário.

Sagitário é o nono signo do Zodíaco.
Nove é o número da “Queda”,
Da divisão-do-mundo,
Da “brecha Cósmica” então acontecida.

Nove é o número da “grande ausência” existencial…
Na Árvore-da-Vida, na Kaballa,
O nove é a Lua…

No entanto, numa Visão redentora
o nove é igualmente o número da Iniciação.

O nove vibra na Consciência da Ordem apreendida,
na percepção da Lei.

O Sagitário simboliza a Luz no Caminho,
a Verdade, finalmente reencontrada.

Em Sagitário “rasga-se o véu”
do nosso Templo interno,
e as Trevas, súbito, se iluminam.

Sempre que cada um atravessa
a “porta oculta” do seu Coração.

Então a Luz da Verdade,
a intenção inerente ao nosso próprio exílio,
pode iluminar o Ser.

Finalmente se abre o Portal da salvação.
Convida-nos a entrar.
A entrar no Sagrado, no Sagitário,
No reino dos Céus sobre a Terra…

Maria Flávia de Monsaraz in “o Livro do Escorpião”

Anónimo disse...

Querido Salvas
Pensei que não vinha mais ao blog mas afinal... Acho que não é facil desligarmo-nos da Catedral assim tão facilmente.
Estamos de fim de semana naquele tal sitio onde tu dizes que nunca chove, que está sempre bom tempo, mas está um bocado de vento. Mas muito sol...
Um bom fim de semana para todos!!
Petit

iw disse...

Passei... para matar saudades!
Beijos
Isabel

Brancamar disse...

Boa noite Salvador.
Hoje não tenho muito tempo para ler comentários, mas gostei de saber que o lançlamento do livro está definido e só tenho pena de não poder ficar de 18 para 19 por aí. Mas, já tenho encomendas para o livro.
Parabéns também para o Zé Tomaz sempre presente no momento certo, tal como o Vasquinho e outros amigos. Hoje vim cá várias vezes e já marquei falta a esses maninhos todos.
Bom fim de semana.
Um beijinho
Até amanhã.

Anónimo disse...

Salvatori

Por algum tempo ausente vejo que o momento por que todos esperavámos e alguns acreditavam chegou, e que grande vitória digna de um grande Guerreiro.

Temos todos que te agradecer o expores "publicamente" a evolução do teu estado neste blog, que nos permitiu e permite, todos os dias, relativizar o que é acessório e concentrarmo-nos no que é realmente importante permitindo tornarmo-nos melhore,s todos os dias.

És um lutador e influenciaste muito boa gente dando o exemplo practico que o impossivel não existe.

O adeus não existe, só do blog, porque graças a Deus vais continuar por ai a curtir a vida, beber umas grandas jolas,rir e gozar a vida na companhia de velhos e novos amigos, nunca descurando a vigilancia de novas tentativas de ataque do inimigo.

Parabens à tua Familia e a toda Catedral (escreventes e não escreventes)

Um grande bem aja e

BOM DIA a todos

Tomazini

Anónimo disse...

BDia GRANDE Salvador, há seis meses atrás, escrevi aqui o meu primeiro e penso, unico comentário até hoje, mas, este blog ficou registado nos meus favoritos e faz parte da minha leitura diaria. Venho deixar " aquele abração " e super feliz com este final. No blog até um dia, nós... vamos falando.
ABRAÇOES E VIVA A CATEDRAL....
Francisc Afonso ( Xico careca )

Anónimo disse...

Salvador

Catedral

Vir aqui passou a fazer parte da minha rotina diária, então lei-o o teu post, os comentários e uma força interior diz-me:
-escreve qualquer coisa.
Gostava de dizer que esta lição de vida que nos deste vai ficar para sempre gravada nos nossos corações.
Acreditar que se pode contrariar o destino atraves da fé e da coragem com que temos de enfrentar com sacrifício o dia a dia, são lições que levo desta tua caminhada.
Cavaleiro monge, que possas continuar a ser o heroi das nossas vidas.

Um grande Abraço

Filho de Egas

Carla disse...

Aqui fica mais uma vez ao nosso CAVALEIRO MONGE


Do vale à montanha
Da montanha ao monte
Cavalo de sombra
Cavaleiro monge
Por casas, por prados
Por quinta e por fonte
Caminhais aliados

Do vale à montanha
Da montanha ao monte
Cavalo de sombra
Cavaleiro monge
Por penhascos pretos
Atrás e defronte
Caminhais secretos

Do vale à montanha
Da montanha ao monte
Cavalo de sombra
Cavaleiro monge
Por prados desertos
Sem ter horizontes
Caminhais libertos

Do vale à montanha
Da montanha ao monte
Cavalo de sombra
Cavaleiro monge
Por ínvios caminhos
Por rios sem ponte
Caminhais sozinhos

Do vale à montanha
Da montanha ao monte
Cavalo de sombra
Cavaleiro monge
Por quanto é sem fim
Sem ninguém que o conte
Caminhais em mim.


Fernando Pessoa quando escreveu este poema não sabia a tamanha dedicação que produzia.

BEIJOCAS S.V.S.

Carla Z.O.

paula c disse...

Hello, I'm back …
Salvador and wonderfull people

(agora já com acentos e cedilhas…)
Pois é já cá estou, ainda um bocado «esparvoeirada da cabeçorra» por causa do jet lag – a idade não perdoa!!! Se bem que tenha comprado uma mezinha nos States que era suposta ser óptima para isto, de seu nome oxigénio líquido, mas até agora o que tem produzido é um sono monumental!

O Carlos e eu despedimo-nos no último post do Salvador, (ilustrado com a foto do próprio envergando o helmet GK) mas afinal ainda andam todos por aqui! Ainda bem! Quando o «Chefe» mandar acaba-se a escrita, até lá «follow the leader»! Que espero esteja a descansar depois desse tratamento, que para quem está de fora dá ideia de uma tortura chinesa ou da Inquisição no seu melhor...

Gostava de fazer uma pergunta à Lena (perita em astrologia) se o Salvador não levar a mal. Algures, num comentário antigo fez uma referência um bocadinho menos boa à Balança, é um mau signo? Eu sou Balança, ascendente Escorpião, dia 7 do ano 57. É uma desgraça, ou nem por isso?

Então continuarei a passar por aqui, e «I’m looking forward to meeting» todos os que não conheço pessoalmente e reencontrar os outros no dia 18/5. E espero poder estar tb no lançamento do livro, no YH a 19/5 – si el tiempo no lo impide y com permiso de la autoridad a las 6 y media de la tarde!

PS: Como é, sempre levamos badges identificativos?

Um beijinho para todos
Paula

OBSERVADOR disse...

Bom dia.

Com um tempo assim, desculpem mas vou para a praia...

Bem regressada Paula.
Um badge para a senhora, também.
Obrigado.

paula c disse...

Olá Salvador e Catedral,

Espero que estejam todos a aproveitar este fantástico dia de sol, da melhor forma possível.

Só queria deixar aqui uma pequena explicação em relação ao «badge» (vulgo crachá) para não pensarem que estou a armar em «carapau de corrida»!

Eu nunca utilizo esse termo por deformação profissional. Das primeiras regras que aprendi em relação a congressos, simpósios e eventos internacionais, onde fossem utilizados cartões identificativo era nunca dizer «crachá». Porquê? Porque em francês «crachat» (que soa exactamente da mesma forma) significa escarreta!!!!!! Para evitar situações embaraçosas perante franceses ou francófonos
usávamos sempre a expressão inglesa!

Voilá!

Um beijinho
Paula

OBSERVADOR disse...

Quer dizer ... o senhor Sarkozy cracha muito?
É que o homem anda sempre com ar de constipado :):):)

Oh amiga Paula, eu percebi que não se estava a armar em carapau de corrida.
Creio que todos percebemos.

Et voilà!!!

Por onde anda o pessoal?
Amigo Pedro/Locomotiva, está em meditação? Eu já ando, ainda que provisoriamente, de peito inchado.

Vou dar um mergulho ... mesmo sem badge, porque a malta já me conhece.
(brincando)

Um abraço para a Catedral.

Brancamar disse...

Olá Salvador,
Olá Amigos,
Fim de semana prolongado, bom tempo, está toda a gente fugida pelas praias, pela natureza...eu também já vou.
O Pedro/Locomotiva deve andar pelo seu adorado mar, o Vasquinho a ver a água da barragem e eu aqui pelas frondosas árvores do Parque de Serralves, perdida nos labirínticos jardins, a tomar um cházinho debaixo das glícinas brancas já com longos anos, um oásis dentro da cidade. E agora me vou a correr a caminhho do Teatro Nacional S. João para ver a D. Eunice Munoz e o querido Diogo Infante.

Paula gostei muito de a ler, tinha saudades das suas graças, aliás eram mais as saudades de a saber por cá, pois nunca deixou de nos dar notícias e boas, adorei lê-la enquanto esteve lá pelos States, mesmo sem acentos e cedilhas.
Queria dizer mais, mas o horário aperta, tenho mesmo que ir. Também tenho andado um pouco preguiçosa para escrever mas logo cá estarei.
Tchau
Beijinhos, muitos.
Branca

Anónimo disse...

Parabéns! Parabéns!Parabéns|
Mil vezes OBRIGADA pela lição de vida e por tudo o que escreveste durante estes 6 meses e que nos encheu a alma tantas vezes!
Bj
iam

ana cortez de lobão disse...

Querido primão!
É optimo que continuemos por aqui por todas as razões e mais alguma...vamos mantendo o contacto, vamos sabendo de ti e da "obra" que daqui vai nascer, uma "mão" dada a tanta gente que precisa.
Um grande beijo da prima lobona

VascoG disse...

Olá Rapaziada,

Só para dar as boas noites e dizer que estou vivo... Pôdre..., mas vivo... Volto amanhã em melhor estado...
As melhoras ao Nosso Johnny Venturini e parabéns atrasados ao Nosso João Miguel Elvas.

Acabei de falar com o NMV que me disse uma fantástica... dizia-lhe eu que o achava com uma voz do melhor que lhe tenho ouvido desde há muito... Responde-me o NMV: à pois tou... e digo-te mais; não devia dizer isto, mas também estou com óptima cara... Ah granda Mano Velho! Essa é que é essa e o resto é uma granda conversa de chacha...

VG

Brancamar disse...

Olá Salvador,
Então boa voz e boa cara...!
Que bom!Que bom!
Já devia estar a dormir, mas não consegui sem vir cá.
E cá vai aparecendo a rapaziada.
Vasco obrigada por vir, mesmo "podre".
As melhoras para o João Ventura. Ainda não lhe disse que adorei o poema que fez no dia 22,na altura os comentários dirigiram-se noutro sentido, porque havia auela carta linda de um filho ao pai que o Vasquinho nos deixou, mas não esqueci os seus versos e dou-lhe agora os parabéns por eles.
Beijinhos para todos.
Branca

iw disse...

Bom Novo Dia, Salvador
Depois de ouvir as notícias, que tardavam, fiquei logo com melhor cara também!
É sempre reconfortante irmos sabendo de ti.
Muitos beijinhos
Isabel

Bom Novo Dia, Catedral
Paula, benvinda a casa, com essa sua alegria sempre tão contagiante.

Anónimo disse...

Mano Salva e Catedral,

Cá estamos e é verdade Amigo Observador e Branca como sou um exagerado apanhei um escaldão que vocês não imaginam.Nada de grave.

Se vocês mais atentos repararem no meu ultimo comentário estava apreensivo:

Hoje meio parvo é verdade Mar de Gente Tão Boa cheio de duvidas caminho direito ao escritório e por aí.

Pois é o meu irmão tinha sido internado na vespera inesperadamente andava cheio de dores no estomago ,e tinha feito uma série de exames Tacs, análises,etc

Assim foi e ficou internado sem ninguém estar à espera até sábado .Já está com as análises com os niveis normais, e continuará a sua dieta.

Neste momento acabou de fazer os exames e já está a trabalhar.

Queria em meu nome pessoal agradecer a visita do Henrique Lima o nosso Kiki que apesar da sua boa recuperação veio na 6ª visitar o meu irmão com aquele calor e sem poder assentar o pé no chão estar connosco e animar o Mais Velho.

Também Branca, Mano Vasco, e Joana penso que o Amigo Obeservador se apercebeu também um muito obrigado em nome do meu irmão.

Os outros certamente não se aperceberam mas o Mais Velho num momento de maior desanimo sózinho no dia 24 de manhã no hospital escreveu:

"Obrigado SALVADOR pels coragem e força de de vontade que nos mostraste e que vai servir para me ajudar na má fase que de momento estou a passar."

Até breve e Bjs Abraços da
V/Locomotiva

Inês Barros disse...

Estou feliz! muito feliz pela sua rápida recuperação!
Nunca deixei de acreditar que seria possível, porque a sua força e a sua determinação sempre foram tão credíveis que ninguém sequer pôs em causa não acontecer aquilo que você esperava e sabia - a cura.
Foi sem dúvida uma dura guerra, mas só estas grandes guerras dão o prazer magnânimo de vencer!

Muitos Parabéns pela coragem e pela vitória!
Beijinhos,

Inês Barros

elvira carvalho disse...

Já cá vim duas vezes, mas de passagem, não deixei rasto.
Desejo-lhe uma óptima semana, e gostaria de saber como posso adquirir depois o livro, já que me será quase impossível estar presente, por muita pena minha.
Vou passando.
Um abraço

ana cortez de lobão disse...

Pedimos aqui um espacinho ao primão Salvador para mandar as melhoras ao João, o imprescindivel Ventura, e que recupere rápidamente!
Bj prima lobona

Anónimo disse...

Caro Amigo Salvador,

Chegado de fora, acabei de entrar na Catedral e fui confrontado com essa notica que todos esperavamos. Acabou-se o bicho está morto e derrotado.
Apesar do apoio neste lugar ser bastante importante para nos manter mentalmente com força para lutar, o principal responsavél serás sempre tu que, com crença e vontade com que te entregas-te nesta luta a sobeste vencer. Ainda bem que assim foi, pois nos deixa a todos muito mais feliz, e te permite junto de terceiros possas transmitir e demonstrar que é possivel VENCER.

Um GRANDE abraço amigo para ti e familia .
Duarte Soares Franco

paula c disse...

Salvador e Catedral,

Passo a 200 km/h, mas não quero deixar de dizer OLÁ!!

Em primeiro lugar ao Salvador, que espero continue a recuperação «com muita tranquilidade».

Em segundo, pedir desculpa ao nosso «poeta» JV, porque não me apercebi que estivesse doente! Creio que lhe enviei os parabéns no dia 22, mas com a quantidade de «business men/women» que havia sempre em fila para a internet, li os comentários um bocado em diagonal... As suas melhoras e um rápido restabelecimento!

E saio como uma flecha porque o trabalho tem de estar pronto daqui a 1 hora!

Um beijinho
Paula

OBSERVADOR disse...

Por alguma razão uso o nick de Observador.
Apercebi-me.

Assim como me apercebo que esta malta não tem vontade nenhuma de abandonar a Catedral.

Estou certo ou errado?

Abraço-vos

Brancamar disse...

Olá Salvador,
Espero que a sua recuperação continue dentro da normalidade e cada dia que passa se sinta mais longe dos dias cinzentos.

Claro que não temos vontade nenhuma de abandonar a Catedral.

Eu também me tinha apercebido que se passava algo com o JoãoV, porque o Pedro deu a entender que mesmo na altura do aniversário ele não estava muito bem. Pretendia logo aí desejar-lhe as melhoras, não me atrevi, porque pensei que era alguma indisposição mais ou menos ligeira e porque apareceu na Catedral aquele momento forte e solene pelas palavras de um outro Salvador que me inibiu de me dirigir em particular a alguém.
Nunca pensei que o João estivesse agora numa situação de hospitalização.
Espero que a recuperação seja rápida e esteja animado para nos trazer um belo poema, se puder mande-o daí mesmo de onde está, as musas estão à espera.
As melhoras
Beijinhos
Branca

iw disse...

Boa Noite, Salvador e Catedral

Desejo as rápidas melhoras do João.

Pensei que as dores de estômago se devessem apenas ao facto de ter comido qualquer coisa estragada...

Beijos
Isabel

Anónimo disse...

Salvador

Catedral

Como já não vinha aqui à dois dias venho com uma sugestão.

Acho interessante continuarmos por aqui pelo menos até ao dia seguinte ao do grande almoço, para que cada um comente o que achou de tão grandeoso repasto.

Como a amizade tem sido a bandeira deste espaço dedicado a ti, é oportuno que seja aqui que ela continue a marcar presença.

Desejo as melhoras ao Jonny Venturinni, e como prometi vou continuar por aqui porque já estou habituado e porque não sei para onde ir.

Um grande abraço e que continues na tua recuperação com ou sem silêncio porque eu acredito que continuas connosco no coração.

Filho de Egas

Anónimo disse...

Mano Salva e Catedral,

Mar de Gente Tão Boa o Mais Velho já está melhor ,mas o médico disse-lhe para sair mas repouso.

Pediu-me para agradecer a esta corrente fantástica, e para não se preocuparem que o susto maior já lá vai.

É verdade Isabel as dores no figado e estômago julgava ele que era uma gamba estragada nesse escritório fantástico que é Alcantara.

Muito nos ouviram eles os bons amigos empregados no dia seguinte sem culpa nenhuma.

Toca a retomar no que me toca o ritmo da nossa Catedral e estive a ler os comentários que estavam em atraso.

Paula belo regresso já cá fazia falta a sua pedalada.

Amigo Observador isto está renhido.

Domingo às 19,45 não me apetece ir é tarde e 2ª batente.

Vamos a dar um pouco mais de gáz, mas é natural estamos todos a ganhar fôlego para o nosso encontro,mas até lá ainda temos muito tempo pela frente.

Toca a advertir agarrar cada dia e que 4 dias estiveram.Hoje trabalho e não tarda está aí mais um feriado para podermos mesmo se não estiver muito calor entrar pelo mar que é das coisas que gosto mais de fazer.

Abraços e Bjs da V/Locomotiva

Bébé disse...

Ganda Salva,
para te dar um abração grande.
Bébé

OBSERVADOR disse...

Cumprimentando...

Catedral, isto está a murchar ou é impressão minha?

Vamos lá, malta!!!

Pedro disse...

Oi Salvador. Não sei se por morar proximo de uma cidade tua homonima, Salvador, na Bahia, que me sinto feliz pelo facto de saber das tuas melhoras. Perdoa a sinceridade, mas de quem recebeu noticias tuas gravissimas, fikei extremamente assustado. Hoje não podia estar mais feliz e recordar os almoços de quinta feira, em casa dos teus avos. Alias guardo essas fotos k tirei, com muito carinho. Que Deus te continue a ajudar nesta caminhada, agora mais fácil, pela vida fora. Continua a contar com amigos k alem de familia não eskecem, apesar da distancia fisica. Fica á vontade se te apetecer estar uns dias descansados, quando puderes viajar tens a porta aberta como sempre.
Com muitas saudades e feliz por saber tão agradaveis noticias, recebe um abração.
Pedro Lobão

Anónimo disse...

VascoG disse,

Então Rapaziada???
Então Mano Velho???

Prefiro não pensar que anda a Rapaziada toda a fugir de mim... mas de facto parece... ligo para o NMV e não me atende o télélé... chego aqui à Catedral e parece uma catedral do antigamente, em que era tudo escrito em folhas de papel, e em consequência de uma rajada de vento... nestum... sobraram 2 ou 3 folhitas... sem querer ofender ninguém, não sei com o que é que esta Grande Catedral se parece... toca lá a arrebitar, o Nosso Grande Johnny Venturini que escreva qualquer coisa para animar as suas Musas todas (já lhes perdi a conta), o Nosso Mano Tony, mais se parece com um qualquer filme do Vietname do tipo "Desaparecido em combate" (onde é que andas Mano???), a nossa Branca "flôr" anda meio murcha, a Locomotica deve-se-lhe ter acabado o carvão, as Manas Paula, Lobata, Joana, Elvira, Tia Isabel limitam-se a picar o ponto (perdoem-me as de que não me lembrei)... Valha-nos o Nosso velho Repórter que ainda vai tentando animar a malta, mas que, pelos vistos, com quase tão pouco sucesso quanto o meu...
Vá mas é de animar...
Volto mais tarde...
Adeus Gente Boa de quem gosto muito...
As melhoras Venturini...
Como estás Mano Velho?

Beijos e abraços,
VG

iw disse...

Bom Novo Dia, Salvador
Bom Novo Dia, Catedral

Cá estou eu a picar o ponto (como diz o "mano" VG) pois há que começar a bulir logo pela manhã!
Esperemos que a recuperação do Salvador e do João continuem de vento em popa...
Falando de vento, sabia bem agora uma daquelas rajadas da Lena, que quando por aqui passa nos deixa a abanar; ou um siroco, quente e forte, trazidos pela nossa locomotiva, JV, MT ou VG; ou uma aragem vinda da Joana; ou um zéfiro soprando dos lados da Paula e da prima Lobona; ou finalmente uma doce brisa vinda da Branca...
Beijos
Isabel

Anónimo disse...

Mano Salva e Catedral,

É verdade Mano Vasco passam-se os dias e aqui a malta não se encontra.Não pode nem deve ser.

No meu caso tive aqueles dias que o Mais Velho esteve hospitalizado para o xoxo, mas agora estamos para as curvas.

Mano Vasco tu disseste o que devia ter sido dito mais uma vez .e o Amigo Observador também .

O Mano Salva também não o vejo vai para um tempo longo demais não pode ser.

O homem o Mais Velho porta-se mesmo bem está a despacho em Alcantara com a sua dieta mas na maior.Ontem lá fui ter um pouco mais tarde. porque a correr antes passei na Fil ia ver carros e os olhos perderam-se para outros lados.

Bolas cada avião.

Vamos a animar a malta apesar duma pessoa ouvir noticias e não são boas combustiveis, crise EUA, etc.

Mas não podemos ficar com elas temos de dentro das nossas cabeças levar empurrar a vida para a frente e tirar partido dela.Olha cá vou para o batente e contente.

Adeus até já/logo Abraços e Bjs da V/Locomotiva

Anónimo disse...

Salvador e Catedral,

Tenho passado e estes abanões de hoje do Vasco e Pedro foram bons.

Salvador espero que continue o seu repouso e recuperação.

João que boas noticias nos tem dado o Pedro.

Recuperado e elegante o que se quer mais.

Já tenho saudades suas e dos seus poemas então João?

Pedro dizes "Bolas cada avião." então na Fil aviões, julgava-os por enquanto na Portela.

Pedro vá de puxar já que Vasco o carvão não se acabou.Vasco dê-lhe na cabeça.

Então ele vai à Fil perde-se nos aviões, Alcantara, Ronaldo à noite e não nos escreveu como é?

Vá hoje se calhar estiquei-me demais , mas vou "advertindo" como o avião diz.

Agora armado já não quer ser locomotiva era o que mais faltava .

João ordem por favor.

Abraços e Bjs da

Leonor Antunes

Joana Freud... disse...

Catedral,
Têm razão. Toca a empurrar!!!
Tenho estado por aqui várias vezes ao dia, though.
Obviamente muito feliz com o sucesso do Salvador, fiquei bastante à toa com a ideia deixarmos este contacto diário que há muito faz parte do ar que respiro. Tenho feito cerimónia, mas estou cheia de saudades vossas, pessoal!
Ainda bem que levei os vossos empurrões de hoje.
Cá pra mim, o nosso Salvador a esta hora deve estar a descansarno Brasil ou qualquer coisa do género.
Que estejas em paz, sossego e alegria a gozar estas férias que até podiam prolongar-se para sempre!
Gosto de ser uma aragem, Isabel. Que bonito o que escreveu!
Sou muito mais feliz desde que vocês existem na minha vida! Já não podem sair. Não têm autorização.
Love you all - como diz o nosso Mano Vasco.
Agarrem os sonhos - como diz o nosso MTonnies que faz uma falta do caraças.
Mil beijos quentinhos.
Joana

Anónimo disse...

Salvador,
Conforme te transmiti no almoco da semana passada foi com uma profunda e sentida alegria que recebi as ultimas noticias das tuas espetaculares melhoras.
Correndo o risco de repetir o que ja muitas vezes foi escrito na catedral gostava de mandar um abraco a toda a catedral que tao importante tem sido neste processo. Assumidamente importante para o Salvador mas tambem importante para todos nos colocando em perspectiva muitas das coisas que fazem parte do nosso dia a dia.

Fico mesmo contente com isto tudo. Abracos,
Pedro Silva Pinto
PS: Vai ser com muita pena minha que nao vou estar presente no almoco e no lancamento do livro. Chego a Portugal apenas no dia 20

xica disse...

Olá Grande tio Cavaleiro Monge!
e olá a cada um, catedralistas!!

Há quatro meses que me sinto pedra silenciosa desta tão grande Catedral!! mas como está quase a acabar... e que GRANDE FINAL FELIZ!! decidi escrever...

é que na verdade sinto que tenho de agradecer ao tio e a cada um, o exemplo que se transformaram para mim... o exemplo de força, de amizade, de animo, de alegria, de OPTIMO HUMOR... o exemplo de quem não desiste, de quem não se deixa vencer pelos obstáculos da vida, e a cima de tudo o exemplo de quem não deixa nem um só amigo ficar preso a uma barreira e faz de tudo para o levantar e proteger...

Quero agradecer a cada um, porque ao serem assim cresceu em mim o desejo de ser como vocês, de dar a vida pelos amigos, de dar a vida por cada pessoa... é que há curas que não se dão com remédios, há feridas que principalmente se curam com o amor e a força esperançosa de quem nos rodeia e nos é querido... e cada um fez com que eu agraditasse cada vez mais nisto!

Há uma última coisa que gostava de oferecer ao tio Salvador e de partilhar com cada um de vocês... é um filme do youtube onde se vê o tio Salvador e o papel essencial e corajoso de cada pedra desta catedral e ao mesmo tempo o papel do tio Salvador que nos foi enchendo de animo e força!

http://br.youtube.com/watch?v=ltIzv95eD9s

(se não der para irem por este endereço escrevam no youtube forcados camaradagem)

Muitos beijinhos para o tio e um grande beijinho a cada um!

vou continuar a estar sempre presente através de Cristo que nunca nos deixa!

beijinhos
Francisca onofre

obrigada pela amizade!
rezo...

Anónimo disse...

É Mar de Gente Tão Boa rola ou não rola?Claro que rola.

Joana,Leonor, Isabel já de manhã maravilha de comentários.

Vamos a puxar o que é isso aí.Sou a Locomotiva aviões vejo-as passar e gosto de as ver.

Mais Velho pico-te após o Mano Vasco mérito dele e tu escreves ou não?

Até já da Locomotiva

Anónimo disse...

BOM DIA SALVADOR
BOM DIA CATEDRAL

Não posso nem devo deixar de agradecer todas as preocupações que tiveram com a minha má fase!!

Especialmente as minhas cinco e QUERIDAS MUSAS(Paula estou em falta consigo pois disse aqui que tinha sido a unica MUSA que por estar nos States não me tinha dado os parabens, o que é falso pois tinha-o feito.Portanto as minhas desculpas), depois aos sempre amigos KIKI,ao tal de BÉBÉ,ao FILHO DE EGAS.

Tambem não posso esquecer o nosso OBSEVADOR sempre atento e amigo e por fim ao MANO VASCO que cada dia que passa mais gosto dele e aprecio cada vez mais a sua amizade, sem esquecer o meu muito e sempre AMIGO IRMÃO/LOCOMOTIVA

OBRIGADO!! a vocês todos e a toda esta CATEDRAL.

No fundo acabei por ter um segundo aviso grave e agora há que me portar com muito juizo pois tenho ainda muito para viver...........
Mais uma vez AQUELE SENHOR lá de cima(pois gosto muito DELE)resolveu dar mais uma oportunidade a este gabiru!!!

SALVADOR,meu AMIGO,a falta de noticias são consequência,certamente,da tua rapida reabilitação fisica.....

E agora para todos o poema do meu regresso!!!!!!!!!!

Regresso das brumas
De cimento,
Que drenaram as palavras
Do seu Sentimento

Regresso pelas palavras
Que outro tempo abandonei
Quando por mares tempestuosos
Naveguei.

Regresso por ti musa,
Pelos poemas lidos a uma só voz
Que nós...
Em tempos lemos.

Ergo esse nevoeiro
E recordo o primeiro
Beijo... escrito
Num poema invicto,
Que ainda hoje triunfa.

Regresso... quando já pensava
Esquecido... perdido
Numa folha vazia que não terminava
E eu morria mudo... surdo
Sem nunca poder preencher.
Sem nunca mais poder ser preenchido.

Acordo,
Sem mais palavras...
Regresso...
De onde nunca deveria ter partido.

BEIJOS E ABRAÇOS PARA O SALVADOR E TODA ESTA IMENSA CATEDRAL,do mais velho.

Johnny Venturini

paula c disse...

Olá Salvador & Friends,

Já cá volto com mais calma! Agora tenho de sair disparada para ir buscar a minha mãe à Faculdade (!!!) e o meu filho ao liceu. Qualquer dia ponho o símbolo Taxi no meu carro!!!!!

Paula

ptudella disse...

Caríssimo Cavaleiro tudo óptimas notícias e não pude deixar passar a oportunidade para deixar apenas um Grande Abraço e um Grande Bem Haja para ti e toda a catedral

paula c disse...

Re-olá,

Já recolhi os «estudantes», almocei (ontem e anteontem passei ao lado dessa refeição por falta de tempo) acabei a missão que me tinha imposto levar a cabo, por isso posso escrever sem ser a fugir à polícia!

Não tenho «botado faladura» com tanta frequência, para não maçar o Salvador que deve estar a gozar um merecido descanso na sequência dos inúmeros tratamentos por que passou! E pelo que aqui foi dito, tanto a cara como a voz já traduzem grandes melhoras! Ainda bem! Uma palavra também para a família próxima, que viveu de perto estes meses de grande aflição e estará certamente a saborear a bonança! Continuação de uma boa recuperação!

Folgo muito por «ver» que o nosso poeta JV está quase restabelecido (e que nos brindou com um lindos versos). Tem toda a razão, o «Senhor» lá de cima volta e meia mostra-nos uns cartões amarelos ou vermelhos, acompanhados por umas valentes apitadelas para nos trazer de volta à razão! Às vezes o «mister» (médico) tem de nos mandar para o banco (hospitais, clínicas, tratamentos e afins) quando não percebemos a mensagem à primeira...Ainda bem que foi só um susto. Agora, juizinho, dieta, etc...

Para a Isabel: adorei a imagem do zéfiro!!! Para mostrar que sou muito culta (hehehe!!) e que sei consultar muito bem a internet, partilho convosco um excerto da respectiva definição:
«Na mitologia grega Zéfiro representa o vento do Oeste, filho de Eos (a aurora) e Astreu e irmão de Bóreas, Nótus e Eurus, todos Titãs.
Segundo o mito,o vento Zéfiro ou Favónio (mitologia romana) fecundava as éguas de certa região da Lusitânia tornando os cavalos dessa zona invulgarmente velozes.
Era igualmente considerado uma brisa suave ou vento agradável, por ser o mais ligeiro de todos os ventos, tido por benfazejo, frutificante e mensageiro da Primavera.»

Se bem que ontem estava mais para o Tornado, porque o meu «portatel» resolveu ter uma crise existencial «quem sou, para onde vou e o que faço aqui..» e varreu o trabalho de um dia inteiro!!! Isto acompanhado por inúmeros bloqueios, apagões inesperados e estúpidas mensagens sonoras a informar que o disco estava cheio e não podia gravar sequer uma página A4...! Diagnóstico: conflito informático entre programas. Resultado prático: repetir tudo e não através do método que estava a utilizar. Que foi o que estive a fazer toda a manhã e até há pouco!

Uma nota também em relação à sugestão da Francisca Onofre (que espero que continue muito feliz com a opção que tomou). Esse vídeo é francamente impressionante! Já o conhecia, mas não há duvida que define perfeitamente a palavra «camaradagem» ou «um por todos e todos por um». Graças a Deus que o meu filho João, pese embora o apelido, não enveredou pela tradição familiar e prefere futebol. (De vez em quando fica sem uma unha, com os joelhos num estado lastimável, constelações de nódoas negras, mas nada de excessivamente grave) Acho que me davam 3 ou 4 coisas más se ele fosse forcado, e ainda por cima aqui em Alcochete, que são fanáticos pela tauromaquia!

Hoje não podem dizer que me limitei a marcar o ponto, a missiva está a modos que quilométrica!

Um resto de boa tarde para todos.

Vou retomar «a luta» com a minha temperamental ferramenta de trabalho, que hoje parece estar mais colaborante. (Digo isto baixinho não vá o computador ouvir e desatinar de novo!)

Um beijinho
Paula

Anónimo disse...

Mano Salva e Catedral,

Passei e vejo que a Catedral já está a rolar e bem.

Mais Velho regresso em grande e Paula a dar-lhe forte é assim mesmo.

Que Mar de Gente Tão Boa anda por aqui.

Mano Vasco o carvão só faltou na altura do susto Mais Velho e cá estou para me atirar ao feriado com toda a força.

Agora está a bateria no máximo.

Olhem vou agarrar o resto do dia.

Já toca o telefone Kiki Mais Velho deslocam-se para a zona de Alcantara e eu já estou pronto para me atirar.Mais velho vai como agora tem de ser com a sua dieta assim sim

Mano Vasco sabes fazia anos aqui um amigo do escritório mesma mesa na ribadouro e claro lembrei-me do nosso jantar com o Campeão Mano Salva.

Até logo

V/Locomotiva

Brancamar disse...

Olá Salvador!
Olá Catedral!

Hoje tem sido difícil vir aqui, mas já percebi que tenho muitas mensagens lindas para ler à noite. O Salvador sei que continua bem e a descansar o que merece.
Festejo o regresso esperado do mais velho, o nosso poeta e que lindos e profundos versos nos deixou.Adorei.
Adorei saber notícias da Francisca, textos tão grandes e animadores da Paula e do Vasco. Pois é Vasco ontem fui mesmo uma "flôr" meio-murcha, uma indisposição ligeira mas já passou. Hoje só não apareci durante o dia porque andei às voltas com estatísticas urgentes.Para perceberem tinha desde manhã uma mensagem de melhoras para o mais velho minimizada no pc, enquanto fui fazendo outros trabalhos e foram tantas as solicitações que só agora consegui enviá-la, ao fim da tarde.
Mas, nunca, nunca me esqueço de vós.
Há aqui outros textos que gostava de comentar mas estou de saída, logo voltarei para estar com todos.
Beijinhos
Branca

mt disse...

Eta Pessoal!!!

O Man está optimo, tonitruante! Está fechado em casa a gozar, agora sim descansadamente, o que tem, o que lhe foi "dado" e o que retomou, a pulso ( como todos sabemos ).

Anda, ao que sei, de volta do Livro, entusiasmadamente.

O filme a que alude a Francisca é dos documentos mais impressionantes que existem sobre o que é a verdadeira Amizade.

E os forcados, bem como os homens do rugby, são prova viva disso mesmo ( já quanto à malta do esférico prefiro não me pronunciar ...)

Deixo abraços e deixo beijos. Muitos.

Anónimo disse...

Salvador

Catedral

Poema do continuar:

Continuo a aprender
Continuo a ler
Continuo a escrever
Continuo até te apetecer

Continuo até, sem fim
Continuo convencido que sim
Continuo a sorrir de mim
Continuo assim

Continuo a reflectir
Continuo a acreditar
Continuo a aplaudir
Continuo sem querer parar

Continuo aqui
Continuo sim
Continuo por ti
Continuo assim


Uma pequena brincadeira para animar.
Espero que estejas a ter um bom descanso e aguardo noticias tuas.

Salvador um grande abraço e um bom fim de semana a todos.

Filho de Egas

OBSERVADOR disse...

Olá, olá, olá, olá

Então como vai a passarada mailinda do planeta?

Amigo João Ventura, está melhor?
Caro Pedro idem Ventura, como vai o amigo? Continua esverdeado?
Amigo Vasco, afinal cumé? A barragem enche ou nem por isso?

Caríssimos componentes da Catedral mais famosa do mundo e arredores, deixo-vos um abraço grande.

Caro Amigo Salvador, continuamos na maior?

Portem-se bem ... mal.

Brancamar disse...

Olá Salvador,
Já deve estar a descansar e muito bem, mas aqui ficam os votos para que tenha uma noite boa.
Belo poema o do Filho do Egas, brincalhão mas ao mesmo tempo cheio de sentimento. Aplaudo.
E voltei a ler o do Johnny Venturini, grande poema, não quero dizer em tamanho, grande de alma.
Já tinha saudades da nossa Locomotiva,outra vez a escrever por aqui em grande, tinha-se ido abaixo com o mano, tudo de regresso agora e casa cheia, é assim que todos gostamos. Estou a ler os comentários para tràs e que coisas lindas escreveu a Joana, estava como eu com alguma parcimónia, ainda bem que hoje todos se empurraram uns aos outros e a mim até me chamaram "flôr meia
murcha", eh,eh,eh! Mas, foi muito bem chamado!
Mas vá lá que a Isabel me associou a uma doce brisa,...!
E é que eu até tenho estado presente, mas confesso que ontem estava mesmo muito murcha, hoje não,nada disso,já tenho aqui os meus poetas todos, todos os manos, até a Leonor Antunes já apareceu com o ar da sua graça.
Vocês nem sabem quantas vezes andei a espreitar por aqui e pela paróquia, à procura dos poemas das musas e do João no último post antes das marcações do almoço e nada. Ainda bem que hoje é só alegria, cá está este mar de gente boa como diz a nossa Locomotiva e com esta brisa do mar me vou, deixando-vos um poema, que a Joana me fez lembrar, é de um Vasco e os Vascos são aqueles seres únicos.
Mas, antes disso não quero esquecer o Zé Tomaz, que é feito de si? Neste arranque final da Catedral falta cá um dos seus lindíssimos textos.
Beijinhos para todos.
Branca
-----------------------------------

Também,
Inspirada pelo mar me pensaste,
De fresca vida me banhaste,
Com fluída serenidade me educaste,
Ao sabor da brisa me largaste.
O teu sal deu sabor à minha infância,
Tuas ondas desarmaram meus pesadelos,
E ainda hoje;
Manténs a materna fragância,
Nos teus ondulados cabelos,
Onde registas preocupações,
Para converter em orações,
Apesar de eu já ter idade,
Para desse tempo ter saudade.

Assinado: "Aquela gota de água que pulou do teu oceano!"

21 de Abril de 2008
Vasco Vieira Pinto

iw disse...

Bom Novo Dia, Salvador
Bom Novo Dia, Catedral
Começo muito bem o dia a saber que o Salvador está "tonitruante" e maravilhada com os vossos textos.
Ontem tinha estado a pensar na Francisca e fiquei contentíssima de a voltar a ler.
Vejo também que o JV está de regresso, o que é muito bom sinal.
Bom feriado para todos
Beijos
Isabel

Anónimo disse...

Mano Salva e Catedral

É lá cá estamos todos a encher o nosso autocarro.

Filho de Egas gostei foi pena não teres dado à costa ontem já temos saudades.

Belo fim de tarde e na galhofa tivemos.

Bom saber essas boas not.do Mano Salva.

Hoje apetece-me deu-me na cabeça e digo: Muitos Bjs para a Branca, Isabel, Paula, Joana,vocês não falham é impressionante.Parabéns

Até logo Bjs e Abraços da V/Locomotiva

Brancamar disse...

Olá Salvador!
Olá a todos os amigos.
Vim marcar o ponto e ver se estava tudo bem.

Não referi ali atràs que aquele Vasco, autor daquele poema é o meu filhote e o texto é uma resposta a outro meu sobre o mar. Não queria parecer vaidosa, mas agora achei importante para uma melhor compreensão dos versos, se é que se podem chamar versos. Foi mais própriamente um comentário no meu blog, que me apeteceu partilhar convosco.

Espero que estejam todos a passar um bom feriado, especialmente o Salvador, que esteja a ter umas merecidas férias.

Muitos beijinhos
Branca

Bébé disse...

Salva,
Catedral,
baralhações
e
abração grande
Bébé

Anónimo disse...

Estou a passar o dia em Sanarém acaba de ligar o Mano Salva e que voz e disposição está ele.

As noticias são óptimas o Campaeão está a recuperar, descansar e hoje quem sabe no regresso ainda nos vemos .

Era só para dizer que o chei fabtástico ao telefone e que boa disposição esta ele.

Até já

V/Locomotiva

paula c disse...

Olá Salvador e Catedral,

Passei por aqui «para ver como paravam as modas»!

Espero que estejam todos a tirar partido do feriado, ou quiçá da ponte!

Boas notícias adiantadas pela n/Locomotiva sobre a recuperação do Salvador. Ainda bem!

Branca, que orgulho os versos serem do seu filho e dedicados à mãe!

Bom regresso para os que trabalham amanhã, continuação das mini-férias para os outros.

Um beijinho
Paula

Anónimo disse...

Já de regresso a Lx amanhã é dia batente.

Li agora o seu comentário Branca parabéns que orgulho no seu filho Vasco.

Quando fiz o comentário de tarde tanto erro foi do teclado

Trapalhão mas era demais.

Até amanhã e Mano Salva este fim de semana havemos de nos encontrar

V/Locomotiva deixa como diz o nosso MT a mensagem agarrem os sonhos.

Amigo Observador não me esqueci da sua pergunta estou esverdeado então não havia de estar em 2º lugar.

Até amanhã e agarrem os sonhos como diz o nosso MT

Maria Manuela disse...

Olá Salvador

Estava eu aqui de volta dos códigos a preparar-me para mais um exame,quando uma breve passagem pela TVI me trouxe até aqui...

A sua história é fabulosa e o Salvador um lutador fantástico. Desejo-lhe o melhor... Voltarei.

Anónimo disse...

Caro Dr Salvador Vaz da Silva!

Hoje vi a sua BRILHANTE LIÇÃO DE VIDA!!!...nas "Tardes da Julia"...

Homens assim deviam ser ETERNOS!

BEM HAJA!

Com estas "Lições de vida"...afinal vale a pena viver!!
Muito obrigado!
J. Leitão